São quase 3 milhões de investidores na B3

postado em: Nacional | 1

São quase 3 milhões de investidores na B3. Antecipadamente preciso dizer, ô número não é bem esse.

São quase 3 milhões de investidores na B3
B3 é a bolsa de valores oficial do Brasil, sediada na cidade de São Paulo. Em 2017, era a quinta maior bolsa de mercado de capitais e financeiro do mundo, com patrimônio de 13 bilhões de dólares.



Cuidado com os gatilhos mentais utilizados pela mídia na tentativa de lhe influenciar com números. O número total de investidores na B3, dado pelo último Boletim da Bolsa emitido em 31/08, tem lá disponibilizado o número de 2.958.442, com ativos comprados. A tabela que traz essa informação tem logo abaixo uma observação com um texto que diz: “Critério considera o CPF cadastrado em cada agente de custódia, ou seja, pode contabilizar o mesmo investidor caso ele possua conta em mais de uma corretora.”

Apesar de não poder ser considerado como parâmetro geral, uma pequena enquete foi realizada no meu perfil do Instagram (@vidaefinancas), onde foi constatado se os seguidores utilizavam mais de uma instituição financeira para investir em ativos na Bolsa de Valores e o resultado mostrou que 50% investem através de uma única instituição e outros 50% investem através de mais de uma. Eu mesmo, o autor desse artigo, invisto através de 3 instituições. O que demonstra que o crescimento, em número de investidores, não é bem o anunciado pela grande mídia.

 

Leia mais

 

Cuidado com o efeito manada e o que ele pode trazer para a sua vida financeira. Não comece a investir em mercados por influência, trate de conhecê-lo antes, seja prudente com os seus recursos, adquira conhecimento e comece devagar, pois estamos falando de ativos de Renda Variável. Conheça os produtos financeiros onde pretende investir e, principalmente, conheça-se primeiro antes de começar a trilhar esse caminho.

São quase 3 milhões de investidores na B3. Mas o investir tem que ser sempre com prudência, disciplina e planejamento

Não deixe de tomar certos cuidados antes de começar a investir: organize o seus orçamento, quite suas dívidas, faça a sua Reserva de Emergência, monte um Plano de Investimentos, tenha metas de curto, médio e longo prazo e, por fim, Estude as necessidades de cada uma delas, em termos de recursos, e calcule os seus aportes necessários a cada período.

Investir não é proibido, é possível a todos, mas não vamos seguir por um caminho, onde não conhecemos quais os percalços que vamos encontrar. Percalços fazem parte do caminho, mas é prudente conhecê-los, para podermos administrá-los de maneira consciente.

Leiam também 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *